É só uma gripezinha? Percursos de sentidos da Covid-19 no Brasil à luz das ciências do léxico

Cacildo Galdino Ribeiro, Maiune de Oliveira Silva, Maria José Alves, Vanessa Regina Duarte Xavier, Maria Helena de Paula

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar as palavras proferidas pelo presidente Jair Messias Bolsonaro para se referir à pandemia do coronavírus no Brasil. No infográfico, em forma de linha do tempo, extraído do jornal A Gazeta, que apresenta trechos dos discursos do presidente realizados entre janeiro e abril de 2020, no Brasil e no exterior. Cabe dizer que a metodologia foi qualitativa e bibliográfica. O referencial teórico embasou-se no conceito prévio de palavra em Saussure (2006) e em autores do campo da linguagem que se dedicam a definir esse complexo conceito nos mais diversos níveis linguísticos, a saber: lexical (BIDERMAN, 2001); fonológico (CAMARA JR., 1971); morfológico (COELHO, 2006; BLOOMFIELD, (1978 [1926]); semântico (MACAMBIRA, 2000, ELSON e PICKETT, 1962), sintático (PERINI, 2006), além do ortográfico (TRASK, 2011). Nesse sentido, foi possível observar que o presidente sempre se aludia à pandemia em seus discursos usando palavras que tentavam minimizar a real situação do vírus no país.

Palavras-chave


Palavra; Jair Bolsonaro; Pandemia; Léxico.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTUNES, Irandé. Território das palavras: estudo do léxico em sala de aula. São Paulo: Parábola Editorial, 2012.

BIDERMAN, Maria Tereza Camargo. Teoria Linguística: (teoria lexical e linguística computacional). 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

BORBA, Francisco da Silva. Organização de dicionários: uma introdução à lexicografia. São Paulo: Editora UNESP, 2003.

BLOOMFIELD, Leonard. Language. London: George Allen & Unwin Ltd, 1933.

BLOOMFIELD, Leonard. Um conjunto de postulados para a ciência da Linguagem. In: DASCAL, Marcelo (Org.). Fundamentos metodológicos da linguística. Campinas: UNICAMP, 1978 [1926].

BRASIL tem 867.882 casos de Covid-19 e 43.389 óbitos, mostra consórcio de veículos de imprensa no boletim das 20h. O Globo, Rio de Janeiro, 14 jun. 2020. Primeiro Caderno. Disponível em: https://oglobo.globo.com/sociedade/coronavirus/brasil-tem-867882-casos-de-covid-19-43389-obitos-mostra-consorcio-de-veiculos-de-imprensa-no-boletim-das-20h-1-24479529. Acesso em: 30 set. 2020.

CÂMARA DOS DEPUTADOS. Projeto de lei 3907/2020. Disponível em: https://www.camara.leg.br/propostas-legislativas/2258514. Acesso em: 25 out. 2020.

CAMARA JR., Joaquim Mattoso. Problemas de lingüística descritiva. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1971.

CAPONI, Sandra. Covid-19 no Brasil: entre o negacionismo e a razão neoliberal. Estudos Avançados, v. 34, n. 99, 2020. p 209-223.

CASTILHO, Ataliba T. de. Nova gramática do português brasileiro. São Paulo: Contexto, 2016.

COELHO, Braz José. Estrutura e funcionamento da língua portuguesa. Goiânia: Trilhas Urbanas, 2006.

DUBOIS, Jean et. al. Dicionário de lingüística. 10. ed. São Paulo: Cultrix, 1998.

ELSON, Benjamin; PICKETT, Velma. An introduction to Morphology and Syntax. Califórnia: Summer Institute of Linguistics, 1962.

MACAMBIRA, José Rebouças. A estrutura morfo-sintática do português. 9. ed. São Paulo: Pioneira, 1999.

PERINI, Mário Alberto. Princípios de Linguística descritiva: introdução ao pensamento gramatical. São Paulo: Parábola Editorial, 2006.

PORTAL FIOCRUZ. Perguntas e respostas. Fundação Osvaldo Cruz, Manguinhos-RJ. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/pergunta/por-que-doenca-causada-pelo-novo-virus-recebeu-o-nome-de-covid-19. Acesso em: 28 out. 2020.

SAUSSURE, Ferdinand. Curso de Linguística Geral. São Paulo: Cultrix, 2006.

SAKAMOTO, Leonardo. Brasil é 2º lugar em mortos. Se invadirmos hospitais, chegaremos a 1º. Uol Notícias, São Paulo, 12 jun. 2020. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/colunas/leonardo-sakamoto/2020/06/12/brasil-e-2-lugar-em-mortos-se-invadirmos-hospitais-chegaremos-a-1.htm. Acesso em: 30 set. 2020.

SILVA, Rafael; PASTI, Daniel. Da "gripezinha" ao "e daí?": as falas de Bolsonaro em cada fase da pandemia. A Gazeta, Vitória-ES, 05 maio 2020. Disponível em: https://www.agazeta.com.br/es/politica/da-gripezinha-ao-e-dai-as-falas-de-bolsonaro-em-cada-fase-da-pandemia-0520. Acesso em: 30 set. 2020.

SPINA, Segismund. Introdução à ecdótica. São Paulo: Cultrix, 1977.

TRASK, R. L. Dicionário de linguagem e linguística. Tradução Rodolfo Ilari; revisão técnica Ingedore Villaça Koch; Thaïs Cristófaro Silva. São Paulo: Contexto, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista Clarabóia está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem:

DOAJ  Latindex IBICT  DIADORIM  ERIHPLUS Redib MIAR WorldCat CiteFactor MLA

Licença Creative Commons
Revista Claraboia está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://uenp.edu.br/claraboia