ENSINO EXPERIMENTAL DE QUÍMICA: RECURSO PEDAGÓGICO - USO DO LABORAÓRIO NAS AULAS DE CIÊNCIAS DISCIPLINA DE QUÍMICA – DESAFIOS DE APRENDIZAGEM

Beatriz Leal Morgavi, Vicente Robaina

Resumo


Este artigo apresenta aulas práticas no laboratório de Química como recurso pedagógico importante para auxiliar na construção dos conceitos trabalhados nos primeiros anos do ensino médio. O objetivo principal é favorecer aos alunos uma aprendizagem que tenha significado e possa relacionar as teorias normalmente estudadas na sala de aula com experimentos práticos facilitando o aprendizado e o despertar científico dos alunos. Descrevemos aqui estas atividades juntamente com argumentos e conclui-se o texto com os resultados obtidos. A presente pesquisa foi realizada no Colégio Estadual Protásio Alves, situado na cidade de Porto Alegre, no estado do Rio Grande do Sul. Participaram alunos de quatro turmas do 1° ano do Ensino Médio, totalizando 106 alunos. Todas as turmas do turno da manhã com faixa etária de 14 a 16 anos. 

 


Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, W. F. A formação de professores e as teorias do saber docente: contexto, dúvidas e desafios. Revista Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 33. n. 2. p. 263-280. Maio/ago. 2007.

BECKER, Fernando. Educação e construção do conhecimento. Porto Alegre: Artmed, 2001.

BRASIL, Parâmetros Curriculares Nacionais Ensino Médio. Disponível em: Acesso em: 17 de junho de 2012.

BROWN, T. L.; LEMEY Jr., H. E.; BURTEN, B. E.; BURD¬GE, J. R. Química: a ciência central. 9. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005.

BUENO, L.; Moreia, Kátia de Cássia; Soares, Marília; Andréia Cristiane Silva Wiezzel; Teixeira, M F S; DANTAS, D. J. O ensino de química por meio de atividades experimentais: a realidade do ensino nas escolas. In: Silvania Lanfredi Nobre; José Milton de Lima. (Org.). Livro Eletrônico do Segundo Encontro do Núcleo de Ensino de Presidente Prudente São Paulo: Unesp, 2007.

CARRARA, J. A. Concepção de ciências e suas implicações para o ensino.Saluvita, v. 23, n. 1, p. 125-129, 2004. Disponível em: Acesso em: 12 set. 2018.

DUARTE, R. Pesquisa qualitativa: reflexões sobre o trabalho de campo. Caderno de Pesquisa, n. 115, p. 139-154, março/2002.

GIORDAN, M.O papel da experimentação no ensino de ciências, Química Nova na Escola, nº 10, Novembro, 1999, (p.43-49).

GUIMARÂES, C. C. Experimentação no Ensino de Química: Caminhos e Descaminhos Rumo à Aprendizagem Significativa. Química Nova na Escola vol. 31, n.03, São Paulo, 2009.

MACHADO, P. F. L.; MÒL, G. S. Experimentando química com segurança. Química Nova na Escola. N° 27, p. 57-60, 2007.

MELLO, J. F. R. Desenvolvimento de atividades práticas experimentais no ensino de biologia: um estudo de caso. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) – Universidade de Brasília, Brasília, 2010.

MORTIMER, Eduardo Fleury (Org.). Química: Ensino Médio. Vol. 4, Brasília, Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2006.

NANNI, Reginaldo. A natureza do conhecimento científico e a experimentação no ensino de ciências. Revista Eletrônica de Ciências. N°. 26. Maio 2004. São Carlos. Disponível em: Acesso em: 17 de junho de 2013.

QUEIROZ, S. L.; ALMEIDA, M. J. P. M. Do fazer ao compreender ciências: reflexões sobre o aprendizado de alunos de iniciação científica em química. Ciência e Educação, Bauru, v.10, n.1, 2004.

VEIGA, I. P. A. et al. Pedagogia universitária: a aula em foco. São Paulo: Papirus, 2000. 247 p.

ZIMMERMANN, A. O ensino de química no 2º. grau numa perspectiva interdisciplinar. Palotina. SEED, 1993.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista REPPE está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem: 
DOAJ DIADORIM  Google Acadêmico    Latindex Sumarios

Licença Creative Commons
Revista Reppe está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://uenp.edu.br/reppe

 

Revista de Produtos Educacionais e Pesquisas em Ensino - REPPE - ISSN: 2526-9542