O GAME FRACIONÁRIO E SUAS POTENCIALIDADES NO ENSINO DA MATEMÁTICA

Leila Maria Silva Pereira dos Reis, Eline das Flores Victer

Resumo


O produto educacional apresentado nesse artigo advém de uma pesquisa de Mestrado Profissional, da Universidade Unigranrio, sob o título “Game Fracionário: implicações do jogo computacional na aprendizagem dos conjuntos racionais”. O produto educacional nomeado Game Fracionário (GF), foi elaborado para alunos do oitavo ano do ensino fundamental II de uma Escola Estadual do município de Duque de Caxias (RJ), e tem como objetivo auxiliar na aprendizagem do Conjunto dos Números Racionais (). O GF é composto por dez questões de múltipla escolha referentes à conceituação dos conjuntos numéricos, suas formas de representação, operações de adição e subtração de frações com denominadores iguais e diferentes e resoluções de problemas. Fundamentamos nosso estudo em trabalhos realizados sobre as tecnologias de ensino, sua contribuição para uma aprendizagem significativa no estudo da Matemática e na teoria da Aprendizagem Significativa Crítica de Moreira. Percebeu-se a efetividade do Game Fracionário por despertar a vontade de aprender dos estudantes, aguçando o seu interesse em estudar Matemática utilizando um material potencialmente significativo

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Hélio Mangueira de. O uso de celulares, tablets e notebooks no ensino da matemática. Revemat: Revista Eletrônica de Educação Matemática, Florianópolis, v. 11, n. 2, p. 318-327, mar. 2017. ISSN 1981-1322. Disponível em: . Acesso em: 24 jan. 2018.

BRASIL, Ministério da Educação - Secretaria de Educação Fundamental - PCN Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília: MEC/SEF, 1998.

CARNEIRO, Elenise de Oliveira. Ensino de história na era digital: um olhar diferenciado sob os Ensinos Fundamentais, Médio e EJA.Rio Grande do Sul, 2018.Disponívelem:http://bibliodigital.unijui.edu.br:8080/xmlui/bitstream/handle/123456789/4781/Elenise%20de%20Oliveira%20Carneiro.pdf?sequence=1. Acesso: 05 mar. 2018

JORDÃO, Matheus Hoffmann. A mudança de comportamento das gerações X,Y,Z e Alfa e suas implicações. São Carlos, 2016. Disponível em:http://www.gradadm.ifsc.usp.br/dados/20162/SLC06311/geracoes%20xyz.pdf. Acesso em 05 mar. 2018.

MENEZES, Ana Lígia Jacob; MUZATTI, Luciana Ap. Ferrarezi. Jogos no ensino da matemática. Revista Interface Tecnológica, [S.l.], v. 13, n. 1, p. 15, dez. 2016. ISSN 2447-0864. Disponível em:. Acesso em: 24 jan. 2018.

MOREIRA, Marco Antônio, Conferência Proferida no III Encontro Internacional Sobre Aprendizagem Significativa, (Lisboa, 11 a 15 de setembro de 2000), 2010.

_________ Aprendizagem significativa em mapas conceituais. Textos de apoio ao professor de física do PPGEnFis/IF-UFRGS, v. 24, n. 6, p. 1-49, 2013.

PAIVA, Marcos Henrique Pereira. Aprendizagem de frações com softwares e aplicativos matemáticos online. 2016. Dissertação (Mestrado) – Curso de Ensino de Ciências Exatas, Centro Universitário UNIVATES, Lajeado, 11 ago. 2016. Disponível em: http://hdl.handle.net/10737/1204.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista REPPE está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem: 
DOAJ DIADORIM  Google Acadêmico    Latindex Sumarios

Licença Creative Commons
Revista Reppe está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://uenp.edu.br/reppe

 

Revista de Produtos Educacionais e Pesquisas em Ensino - REPPE - ISSN: 2526-9542