SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA ENSINO DE SISTEMA RESPIRATÓRIO A PARTIR DO DESENHO UNIVERSAL PARA A APRENDIZAGEM

Débora Pimentel Pacheco, Amélia Rota Borges de Bastos

Resumo


Este artigo é um recorte da pesquisa de mestrado da primeira autora, que buscou planejar, implementar e avaliar as contribuições do Desenho Universal para a Aprendizagem (DUA) no ensino de conceitos envolvendo o sistema respiratório, para uma turma de Educação de Jovens e Adultos (EJA) de uma escola municipal de ensino fundamental da cidade de Bagé, RS. Nele, apresentam-se algumas das estratégias do DUA aplicadas em uma sequência didática. O pressuposto teórico-metodológico do DUA propõe a remoção de toda e qualquer barreira no processo de ensino, ampliando as possibilidades de aprendizagem para todos os alunos. Além disso, o DUA está organizado em três princípios: proporcionar modos múltiplos de apresentação da informação/conteúdo; proporcionar modos múltiplos de ação e expressão da informação/conteúdo por parte do estudante; e proporcionar modos múltiplos de envolvimento nas situações de aprendizagem. As estratégias apresentadas neste artigo resultaram benéficas para o processo de aprendizagem do conteúdo proposto e adequadas à modalidade de jovens e adultos.


Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Soraya Ferreira; TELES, Veryanne Couto; PEREIRA, Tomás Verdi. Propostas para um modelo brasileiro de audiodescrição para deficientes visuais. Tradução & Comunicação Revista Brasileira de Tradutores, São Paulo, n. 22, p. 9-22, 2011.

BASTOS, Amélia R. Borges de; DANTAS, Lucas Maia. Construção de recursos alternativos para alunos com deficiência no ensino de química. In: PASTORIZA; Bruno; SANGIOGO, Fábio; BOSENBECKER, Veridiana (org.). Reflexões e debates em educação química. 1. ed. Curitiba: CRV, 2017. v. 1. p. 173-188.

BRASIL. Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República, 2002. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10436.htm. Acesso em: 20 abr. 2020.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm. Acesso em: 20 abr. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC/SEB, 2013. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=13448-diretrizes-curiculares-nacionais-2013-pdf&Itemid=30192. Acesso em: 20 abr. 2020.

CAST. Design for learning guidelines – Desenho Universal para a aprendizagem. [S. l.]: CAST, 2011. (Universal version 2.0. - www.cast.org/www.udlcenter.org – tradução).

CAST. Design for Learning guidelines – Desenho Universal para a aprendizagem. [S. l.]: CAST, 2015. (Universal version 2.0. - www.cast.org/www.udlcenter.org – tradução). 2015.

COSENZA, Ramon Moreira; GUERRA, Leonor Bezerra. Neurociência e educação: como o cérebro aprende. Porto Alegre: Artmed, 2011.

DAMIANI, Magda Floriana et al. Discutindo pesquisas do tipo intervenção pedagógica. Cadernos de Educação, Pelotas, n. 45, p. 57-67, maio/ago. 2013. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/caduc/article/view/3822/3074. Acesso em: 19 abr. 2020.

DAMIANI, Magda Floriana. Entendendo o trabalho colaborativo em educação e revelando seus benefícios. Educar, Curitiba, n. 31, p. 213-230, 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/er/n31/n31a13.pdf. Acesso em: 20 abr. 2020.

HEMATOSE pulmonar. In: INFOPEDIA. Porto: Porto Editora, 2021.

HITCHCOCK, Chuck et al. Providing new access to the general curriculum. Universal Design for Learning. Teaching Exceptional Children, v. 35, n. 2, p. 8-17, 01 nov. 2002.

MACHADO, Jaqueline dos S. Gomes. Alternativas pedagógicas para o ensino de alunos com baixa visão: o ensino de cinemática escalar. 2016. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) – Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino de Ciências, Universidade Federal do Pampa, Bagé, 2016.

MANGILI, Ana Raquel Périco. Conheça o DPAC - Distúrbio do Processamento Auditivo Central. In: ADAP. Bauru, 06 abr. 2016. Disponível em: https://adap.org.br/site/conteudo/225-49-o-que-e-o-dpac-disturbio-do-processamento-a.html. Acesso em: 18 abr. 2020.

MINAYO, Maria Cecília de Souza (org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Rio de Janeiro: Vozes, 2001.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC). Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão. Nota Técnica nº 21, de 10 de abril de 2012. Brasília, DF: MEC/SECADI/DPEE, 2012. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=10538-nota-tecnica-21-mecdaisy-pdf&Itemid=30192. Acesso em: 10 abr. 2020.

MORAES, Paula Louredo. Sistema respiratório. In: MUNDO Educação. São Paulo, 2021.

RIBEIRO, Elisa. Oxigênio. In: CURIOSIDADES e Poemas. Monte Azul Paulista, 30 jun. 2013. Disponível em: http://curiosidadesepoemas.blogspot.com/2013/06/oxigenio.html. Acesso em: 10 maio 2021.

ROSE, David H.; MEYER, Anne. Teaching every student in the digital age: universal design for learning. Alexandria: ASCD, 2002.

SÁ, Elizabet Dias de; CAMPOS, Izilda Maria de; SILVA, Myriam Beatriz Campolina. Atendimento educacional especializado: deficiência visual. Brasília, DF: SEESP/SEED/MEC, 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/aee_dv.pdf. Acesso em: 10 abr. 2020.

SARTORETTO, Mara Lúcia; BERSCH, Rita. O que é tecnologia assistiva? Assistiva Tecnologia e Educação, 2021. Disponível em: https://www.assistiva.com.br/tassistiva.html. Acesso em: 08 ago. 2020.

SOUZA, Maria Antônia de. Educação de Jovens e Adultos. Curitiba: Intersaberes, 2012.

ZABALA, Antoni. A prática educativa: como ensinar. Tradução de Ernani F. da F. Rosa. Porto Alegre: ArtMed, 1998.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista REPPE está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem: 
DOAJ DIADORIM  Google Acadêmico    Latindex Sumarios

Licença Creative Commons
Revista Reppe está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://uenp.edu.br/reppe

 

Revista de Produtos Educacionais e Pesquisas em Ensino - REPPE
ISSN: 2526-9542