O DIREITO À CIDADE EM UMA PERSPECTIVA AMAZÔNICA: O COMPLEXO HIDRELÉTRICO DO RIO MADEIRA E O PROCESSO DE GENTRIFICAÇÃO

Amanda Pereira Serafim, Marcio Junior Andrade Martins, Neiva Araujo

Resumo


A região Amazônica é alvo recente da construção de novos projetos hidrelétricos, reconhecidos pela alteração ambiental e expulsão das populações tradicionais. Isso justificou o enfoque dado por esta pesquisa ao Complexo Hidrelétrico do Rio Madeira, em Rondônia, para investigar o direito à cidade e a forma como ele se contrapõe à gentrificação. Partiu-se da revisão de literatura envolvendo este conceito e utilizou-se a metodologia qualitativa-interpretativa para analisar os instrumentos de proteção ao direito à cidade no Brasil, verificando o papel atuante do Estado no processo de gentrificação e a hipótese de que ela se faz presente na construção de hidrelétricas.

Palavras-chave


Amazônia; Direito à cidade; Gentrificação; Hidrelétricas; Rio Madeira

Texto completo:

PDF

Referências


ARAUJO, Neiva. Hidrelétricas em Rondônia: vetores de desenvolvimento desigual. Porto Velho, Tese (Doutorado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente) – Fundação Universidade Federal de Rondônia, 2017.

ARAUJO, Neiva; GARZON, Luiz Fernando Novoa. Neoextrativismo e projetos hidrelétricos em Rondônia: desdobramentos territoriais e seu significado político-institucional. Revista Antropolítica, n. 49, p. 1–29, 2020. Disponível em: https://periodicos.uff.br/antropolitica/article/view/42136. Acesso em: ago. 2020.

ARAÚJO, Neiva Cristina de; MORET, Artur de Souza. Direitos humanos e hidrelétricas: uma análise dos impactos socioambientais e econômicos gerados em Rondônia. Revista Veredas do Direito, v. 13, n. 26, p. 167-194, maio/ago. 2016. Disponível em: http://www.domhelder.edu.br/revista/index.php/veredas/article/view/622. Acesso em: 19 out. 2019.

CÂMARA, Andreza Aparecida Franco. A terra como meio de especulação do mercado imobiliário. Revista Direito e Justiça: Reflexões Sociojurídicas, v. 11, n. 16, 2011. Disponível em: http://srvapp2s.santoangelo.uri.br/seer/index.php/direito_e_justica/article/view/704. Acesso em: 28 dez. 2020.

COMITÊ POPULAR DA COPA E OLIMPÍADAS. Megaeventos e Violações dos

Direitos Humanos no Rio de Janeiro. Disponível em: https://br.boell.org/pt-br/2014/06/13/edicao-2014-dossie-megaeventos-e-violacoes-dos-direitos-humanos-no-rio-de-janeiro. Acesso em: 14 out. 2019.

COTELO, Fernando Cardoso. Uma nota sobre a gentrificação no Vidigal. https://www.academia.edu/9686355/Uma_nota_sobre_a_gentrifica%C3%A7%C3%A3o_no_Vidigal. Acesso em: 11 ago. 2019.

ENERGIA SUSTENTÁVEL DO BRASIL. UHE Jirau. Disponível em: https://www.esbr.com.br/a-usina#caracteristicas. Acesso em: 20 out. 2019.

FEARNSIDE, Philip Martin. Impacts of Brazil’s Madeira River Dams: Unlearned lessons for hydroelectric development in Amazonia. Environmental Science and Policy, v. 38, 2014. Disponível em: https://www.academia.edu/5546089/Impacts_of_Brazils_Madeira_River_dams_Unlearned_lessons_for_hydroelectric_development_in_Amazonia. Acesso em: 20 out. 2019.

FURTADO, Carlos Ribeiro. Intervenção do Estado e (re)estruturação urbana. Um estudo sobre gentrificação. Cadernos Metrópole, v. 16, n. 32, p. 341–364, 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/cm/v16n32/2236-9996-cm-16-32-0341.pdf. Acesso em: 10 ago. 2019.

GEVEHR, Daniel Luciano; BERTI, Franciele. Gentrificação: uma discussão conceitual. Políticas Públicas & Cidades, v. 5, n. 1, p. 85–107, 2017. Disponível em: https://rppc.emnuvens.com.br/RPPC/article/view/182. Acesso em: 10 ago. 2019.

GOTHAM, Kevin Fox. Tourism gentrification: the case of New Orleans’ Vieux Carre (French Quarter). Urban Studies, v. 42, n. 7, p. 1099–1121, 2005. Disponível em: https://www.academia.edu/9541271/Tourism_gentrification_The_case_of_new_Orleans_vieux_carre_French_Quarter. Acesso em: 1 set. 2019.

HARVEY, David. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume, 2005.

HARVEY, David. Cidades Reebeles: do direito à cidade à revolução urbana. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2014.

JARDIM, Maria Chaves; SILVA, Márcio Rogério. Programa de aceleração do crescimento (PAC): neodesenvolvimentismo? Disponível em: http://books.scielo.org/id/s5k33. Acesso em: set. 2019.

LEFEBVRE. Henri. O direito à cidade. 5. ed. São Paulo: Centauro, 2011.

LEY, David. Artists, aestheticisation and the field of gentrification. Urban Studies, v. 40, n. 12, p. 2527–2544, 2003. Disponível em: https://tovarna.org/files0/active/2/6635-artists_aestheticisation_and_the.pdf. Acesso em: 1 set. 2019.

MATHEMA, Silva. Gentrification: Um exame atualizado da literatura. Revista Antropolítica, n. 38, p. 87–97, 2015. Disponível em: http://www.revistas.uff.br/index.php/antropolitica/article/view/351/pdf. Acesso em: 25 ago. 2019.

MPF. Ação Civil Pública. Disponível em: http://www.mpf.mp.br/pa/sala-de-imprensa/documentos/2019/acao_mpf_dpu_conclusao_urgente_portal_da_amazonia.pdf. Acesso em: 17 out. 2019.

NOBREGA, Renata da Silva. Os Atingidos por Barragem: refugiados de uma guerra desconhecida. Rev. Inter. Mob. Hum., Brasília, v. 19, nº 36, p. 125-143, 2011. Disponível em: http://remhu.csem.org.br/index.php/remhu/article/view/251. Acesso em: 20 out. 2019.

PAC. 7º Balanço 2015 a 2018. Disponível em: http://www.pac.gov.br/pub/up/relatorio/37855886e9418dce3f9baf3128444233.pdf. Acesso em 22 out. 2019

PAC. 11º Balanço 2007 a 2010. Disponível em: http://www.pac.gov.br/pub/up/relatorio/b701c4f108d61bf921012944fb273e36.pdf. Acesso em: 22 out. 2019.

PAC. 11º Balanço 2011 a 2014. Disponível em: http://www.pac.gov.br/pub/up/relatorio/f9d3db229b483b35923b338906b022ce.pdf. Acesso em: 22 out. 2019.

PAC. Portal da Amazônia. Disponível em: http://www.pac.gov.br/obra/25204. Acesso em: 16 out. 2019.

PAC. Usina Hidrelétrica Jirau. Disponível em: http://www.pac.gov.br/obra/1605. Acesso em: 20 out. 2019.

PAC. Usina Hidrelétrica Santo Antônio. Disponível em: http://www.pac.gov.br/obra/1803. Acesso em 20 out. 2019.

PEREIRA, Alvaro Luis dos Santos. A gentrificação e a hipótese do diferencial de renda: limites explicativos e diálogos possíveis. Cadernos Metrópole, v. 16, n. 32, p. 307–328, 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/cm/v16n32/2236-9996-cm-16-32-0307.pdf. Acesso em: 25 ago. 2019.

PREFEITURA MINICIPAL DE BELÉM. Lei nº 8.655, de 30 de julho de 2008. Disponível em: https://leismunicipais.com.br/a1/plano-diretor-belem-pa. Acesso em: 18 out. 2019.

PREFEITURA MUNICIPAL DO RIO. Lei nº 30.379, de 1 de janeiro de 2009. Disponível em: https://leismunicipais.com.br/a1/rj/r/rio-de-janeiro/decreto/2009/3038/30379/decreto-n-30379-2009-dispoe-sobre-medidas-a-serem-adotadas-pelo-municipio-do-rio-janeiro-para-a-realizacao-dos-jogos-olimpicos-e-paraolimpicos-rio-2016-na-cidade-do-rio-de-janeiro. Acesso em 17 out. 2019.

SALLES, Denise Mercedes Nunez Nascimento Lopes; MIRANDA, Gabriel de Andrade Rezende. Novos usos da cidade global: uma análise do caso da

cidade do Rio de Janeiro a partir das Olimpíadas de 2016. Revista Direito e Justiça: Reflexões Sociojurídicas, v. 18, n. 30, jan./abr. 2018. Disponível em: http://srvapp2s.urisan.tche.br/seer/index.php/direito_e_justica/article/view/2364/1156. Acesso em: 15 dez. 2019.

SANTO ANTÔNIO ENERGIA. Usina em números. Disponível em: https://www.santoantonioenergia.com.br/empresa/usina-em-numeros/. Acesso em: 20 out. 2019.

SILVA, Jackson Silva da; PEIXOTO, Rodrigo Corrêa Diniz. Gentrificação e resistência popular nas feiras e portos públicos da Estrada Nova em Belém (PA). Ciências Humanas, v. 10, n. 3, p. 681-697, set./dez. 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/bgoeldi/v10n3/1981-8122-bgoeldi-10-3-0681.pdf. Acesso em: 16 out. 2019.

SMITH, Neil. Theory of Gentrification A Back to the City Movement by Capital, not People. Journal of the American Planning Association, p. 538–548, 1979. Disponível em: https://eportfolios.macaulay.cuny.edu/chin15/files/2015/02/Smith-Theory-of-_Gentrification.pdf. Acesso em: 31 ago. 2019.

SMITH, Neil. The New Urban Frontier: Gentrification and the Revanchist City. Londres: Routledge, 1996.

SMITH, Neil. Gentrificação, a fronteira e a reestruturação do espaço urbano. GEOUSP: Espaço e Tempo (Online), n. 21, p. 15–31, 2007. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/74046. Acesso em: 10 ago. 2019.

SIQUEIRA, Marina Toneli. Entre o fundamental e o contingente: dimensões da gentrificação contemporânea nas operações urbanas em São Paulo. Cadernos Metrópole, v. 32, n. 16, p. 391–415, 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/cm/v16n32/2236-9996-cm-16-32-0391.pdf. Acesso em: 11 ago. 2019.




DOI: http://dx.doi.org/10.35356/argumenta.v0i37.2417

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Argumenta Journal Law

 A Revista Argumenta está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem:
DOAJ DRJILivre! Proquest EBSCO  DIADORIM IBICT LAINDEX

 

ARGUMENTA JOURNAL LAW

Programa de Pós-Graduação em Ciência Jurídica

E-mail : argumenta@uenp.edu.br
Telefone/fax 4335258953
Horário de atendimento de segunda-feira à sexta-feira 14 às 17h e das 19 às 23h e nos sábados das 08 até 12h
Endereço: Av. Manoel Ribas, 711 - 1º andar
Jacarezinho PR - 86400-000 - Brasil