OS DIREITOS À SAÚDE DA MULHER IRRADIADOS DOS DOCUMENTOS INTERNACIONAIS E DO PLANO NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DA MULHER

Vladimir Brega Filho, Mário Coimbra

Resumo


O direito fundamental à saúde é uma quimera para uma legião de cidadãos que não têm acesso formal ao Sistema Único de Saúde. No que tange à mulher, embora seja a maior usuária do SUS, permaneceu por vários anos olvidada de uma política específica à sua saúde. As conferências internacionais de saúde e o Plano Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher fomentaram a construção de uma política pública voltada à saúde da mulher sobrelevando, assim, sua dignidade no âmbito da saúde pública. Foi utilizado o método dedutivo. A técnica condutora da pesquisa foi a bibliográfica.


Palavras-chave


Políticas Públicas ; Dignidade Humana; Conferências Internacionais de Saúde; Sistema Único de Saúde; Saúde da mulher.

Texto completo:

PDF

Referências


AITH, Fernando. Curso de Direito sanitário – a proteção do direito à saúde no Brasil. São Paulo: Quartier Latin, 2007.

AQUINO, Estela Maria Leão et al. Mortalidade feminina no Brasil: sexo frágil ou sexo forte? Campinas: 2005. Disponível em: www.scielo.br/j/csp/a/VfP98XftjQPnWQjqGz4pqgx. Acesso em: 05.05.2021.

BAGGIO, Leonardo Ferron et al. Violência Obstétrica. Curitiba: 2018. Disponível em: https://maternidadesimples.com.br/wp-content/uploads/2018/11/Cartilha_violencia_obstetrica_oficial.pdf. Acesso em: 24.12.2021.

BRASIL. Instituto Nacional do Câncer. Estatística de Câncer. Rio de Janeiro: INCA, 2021. Disponível em: www.inca.gov.br/numeros-de-cancer. Acesso em: 24.12.2021.

BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Quantidades de homens e mulheres. IBGE. Rio de Janeiro: 2019. Disponível em: educa.ibge.gov.br/jovens/conheca-o-brasil/populacao/18320-quantidade-de-homens-e-mulheres.html. Acesso em: 05.11.2021.

BRASIL. Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Saúde Integral da Mulher. Brasília: Ministério da Mulher, 2004. Disponível em: www.gov.br/mdh/pt-br/navegue-por-temas/politicas-para-mulheres/arquivo/assuntos/saude-integral-da-mulher. Acesso em: 05.11.2021.

BRASIL. Ministério da Saúde-Secretaria de Políticas de Saúde. As Cartas da promoção da saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2002.

BRASIL. Ministério da Saúde-B.V.S.. Declaração de Adelaide sobre a Saúde em Todas as Políticas. Brasília: Ministério da Saúde. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/declaracao_adelaide.pdf. Acesso em 28.10.2021.

BRASIL. Ministério da Saúde-.S.A.S. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher. 2ª reimpressão. Brasília: S.A.S.., 2011.

BRASIL. Ministério da Saúde-S.A.S. Controle dos cânceres do colo do útero e da mama. 2 ed., Brasília: S.A.S, 2013.

BRASIL. Ministério da Saúde. Diretrizes nacionais de assistência ao parto normal. 2017. Disponível em: bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizes_nacionais_assistencia_parto_normal.pdf. Acesso em: 03.01.2022.

BRASIL. SUDENE-ODNE. Mortalidade materna e infantil. Recife: 2016. Disponível em: www.gov.br/sudene/pt-br/centrais-de-conteudo/boletim-sudene-mortalidadematernoinfantil.pdf. Acesso em: 05.11.2021.

BUSS, Paulo M. Conferência Fiocruz sobre promoção da saúde. Rio de Janeiro: 2019. Disponível em: http://vppcb.fiocruz.br/vpaaps-conferencia/img/realizado_app05.pd. Acesso em: 29.10.2021.

BUSS, Paulo M. Apresentação à 1ª Reunião da Comissão Nacional sobre Determinantes Sociais da Saúde (CNDSS). Brasília, 2006. Disponível em: www.who.int/social_determinants/resources/ppt_cndss_bz.pdf. Acesso em: 29.10.2021.

DALLARI, Sueli Gandolfi, AITH, Fernando; MAGGIO, Marcelo P. Direito Sanitário: aspectos contemporâneos da tutela do Direito à saúde. Curitiba: Juruá, 2019.

HEIDMANN, Ivonete T.S. Buss et al. Promoção à saúde: trajetória histórica de suas concepções. Disponível em: https://www.scielo.br/j/tce/a/W4mZfM69hZRxdMjtSqcQpSN/?lang=pt. Acesso em 28.10.2021.

JORNAL O ESTADO DE SÃO PAULO. MP investiga médico por suspeita de assédio e violência obstétrica. São Paulo, ano 142, n.46816, p. A16, 21.dez.2021.

MAPPELLI JR, Reynaldo ; COIMBRA, Mário; MATOS, Yolanda Alves Pinto de. Direito Sanitário. São Paulo: Imprensa Oficial, 2012.

OPAS. Declaração de Adelaide. Disponível em: opas.org.br/declaracao-de-adelaide/Acesso em: 20.10.2021.

OPAS. Violência contra as mulheres. Disponível em: paho.org/pt/topics/violence-against-women. Acesso em: 25.11.2021.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE. World Conference on Social Determinants of Health. 2011. Disponível em: www.who.int/sdhconference/declaration/Rio_political_declaration_portuguese.pdf. Acesso em: 29.10.2021.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE. Prevenção e eliminação de abusos, desrespeito e maus-tratos durante o parto em instituições de saúde. 2014. Disponível em: who.int/iris/bitstream/handle/10665/134588/WHO_RHR_14.23_por.pdf?ua=1. Acesso em: 31.12.2021.

VEJA/SÃO PAULO. Diferença salarial entre homens e mulheres aumenta. São Paulo: Redação/Veja, 2020. Disponível em: sp.abril.com.br/cidades/diferenca-salarial-de-homens-e-mulheres-aumenta/#:~:text=Em%202018%2C%20chegou%20a%20ser%2044%2C7%25%2C%20com. Acesso em: 06.11.2021.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES. Dados epidemiológicos do diabetes mellitus no Brasil. São Paulo: S.B.D., 2019. Disponível em: diabetes.org.br/wp-content/uploads/2021/06/SBD-_Dados_Epidemiologicos_do_Diabetes_-_High_Fidelity.pdf. Acesso em: 06.11.2001.

SOUTO, Katia Maria Barreto. A política de atenção integral à saúde da mulher: uma análise de integralidade e gênero. Ser Social, Brasília, v.10, nº 22, p.161-182, jan./jun.2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.35356/argumenta.v0i38.2737

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Argumenta Journal Law

 A Revista Argumenta está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem:
DOAJ DRJILivre! Proquest EBSCO  DIADORIM IBICT LAINDEX

 

ARGUMENTA JOURNAL LAW

Programa de Pós-Graduação em Ciência Jurídica

E-mail : argumenta@uenp.edu.br
Telefone/fax 4335258953
Horário de atendimento de segunda-feira à sexta-feira 14 às 17h e das 19 às 23h e nos sábados das 08 até 12h
Endereço: Av. Manoel Ribas, 711 - 1º andar
Jacarezinho PR - 86400-000 - Brasil