PROPOSTA DE INTERVENÇÃO DIDÁTICA PARA A DISCUSSÃO DE ASPECTOS SOCIOCIENTÍFICOS A PARTIR DO ENEM: POSSIBILIDADES PARA A FORMAÇÃO CIDADÃ NAS AULAS DE QUÍMICA

João Paulo Stadler, Fabiana Roberta Gonçalves e Silva Hussein, Carlos Alberto Marques

Resumo


Este artigo apresenta uma proposta de intervenção didática para a formação cidadã. A pesquisa e o desenvolvimento desse produto educacional foram realizados durante o mestrado profissional em ensino de Ciências. Neste estudo, percebeu-se que há questões do Enem com potencial para promover a abordagem de Aspectos Sociocientíficos (ASC). Esta prática prevê que o aluno saiba exprimir os conhecimentos científicos estudados de forma articulada com situações cotidianas, e esteja apto a tomar decisões pautadas em elementos éticos e sociais. Este trabalho foi, portanto, elaborado com a perspectiva de estimular os professores a incluir discussão de ASC em suas atividades em sala de aula, indo muito além dos muros do ambiente escolar.


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, A. B. B. et al. Potenciais aspectos sociocientíficos em itens de biologia do ENEM. Indagatio Didactica, vol. 8 (4), novembro, 2016.

ANDRADE, G. G. A Metodologia do Enem: Uma reflexão. Série-Estudos. Campo Grande, n. 33, p. 67-76, 2012.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2011

BERNANDO, J. R. R. Abordagem de Questões Sociocientíficas nas Aulas de Física: as Usinas Nucleares em Debate. In: Congreso Internacional sobre Investigación en Didáctica de las Ciencias (9). Anais... Girona, Espanha, 2017.

BORTOLETTO, A. Temas Sociocientíficos: Análise de Processos Argumentativos no Contexto Escolar. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências). 167 f. Pós-Graduação em Educação para Ciência. Universidade Estadual Paulista. Bauru, 2009.

BRASIL. Ministério da Educação. Orientações Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio – PCN. Ciências Naturais, Matemática e suas Tecnologias: Brasília, 1999.

BRASIL. Ministério da Educação. Orientações Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio – PCN+. Ciências Naturais, Matemática e suas Tecnologias: Brasília, 2002.

BRASIL. Ministério da Educação. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Matriz de Referência para o ENEM. Brasília, 2009.

CARVALHO, L. M.; LEITE, S. Q. M. Temas Sociocientíficos baseados nas Rotinas de umaCidade mediados por Documentários Pedagógicos: uma Prática Educativa de Alfabetização Científica no Ensino Médio Público com Enfoque CTSA. Investigação Qualitativa em Educação, v. 2, 2015.

CONRADO, D. M. Questões Sociocientíficas na Educação CTSA: Contribuições de um Modelo Teórico para o Letramento Científico Crítico. Tese (Doutorado em Ensino, Filosofia e História das Ciências). 239 f. Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências, da Universidade Federal da Bahia/Universidade Estadual de Feira de Santana. Salvador, 2017.

DIAS, Rosane E. A Recontextualização do Conceito de Competências no Currículo da Formação de Professores no Brasil. Teias. Ano 5. n. 9, 2004.

DUSO, L.; MAESTRELLI, S. R. P. Contribuições do Uso de uma Controvérsia Sociocientífica no Ensino de Ciências: Uma Perspectiva Interdisciplinar. In: Congreso Internacional sobre Investigación en Didáctica de las Ciencias (9). Anais... Girona, Espanha, 2017.

GOUVEIA, João. Competências: moda ou inevitabilidade? Saber (e) Educar. n. 12, 2007.

MACENO, N. G.; RITTER-PEREIRA, J.; MALDANER, O. A.; GUIMARÃES, O. M. A Matriz de Referência do ENEM 2009 e o Desafio de Recriar o Currículo de Química da Educação Básica. Química Nova na Escola. v. 33, n. 3, 2011.

MUNDIM, J. V.; SANTOS, W. L. S. Ensino de Ciências no Ensino Fundamental por meio de Temas Sociocientíficos: Análise de uma Prática Pedagógica com vista à Superação do Ensino Disciplinar. Ciência & Educação, v. 18, n. 4, p. 787-802, 2012.

OLIVEIRA, C. F.; MARCOS, G. S.; GEBARA, M. J. F.; KLEINKE, M. U. Contextualização e Desempenho em exames de Ciências da Natureza: O “Novo Enem”. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 9, Atas..., Águas de Lindóia, 2013.

SANTOS, W. L. P. Aspectos Sócio-científicos nas Aulas de Química. Tese (Doutorado em Educação). 339f. Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Educação. Belo Horizonte, 2002.

SANTOS, W. L. P; MORTIMER. E. F. Abordagem de Aspectos Sócio-científicos nas aulas de Ciências: Possibilidades e Limitações. Investigações no Ensino de Ciências. v. 14. n. 2. pp. 191-218. 2009.

SANTOS, W. L. P; MÓL, G. Química Cidadã. 2 ed. São Paulo, AJS: 2013.

SANTOS, M. S.; AMARAL, C. L. C.; MACIEL, M. D. Temas Sociocientíficos (Leite) em Aulas Práticas de Química na Educação Profissional: uma Abordagem CTS. Experiências em Ensino de Ciências,v. 5, n. 3, pp. 115-121, 2010.

SANTOS, M. S.; AMARAL, C. L. C.; MACIEL, M. D. Temas Sociocientíficos (Cachaça e Cerveja) em Aulas Práticas de Química na Educação Profissional: uma Abordagem CTS. R.B.C.E.T., v. 3, n. 2, 2010.

SANTOS, M. S.; AMARAL, C. L. C.; MACIEL, M. D. Temas Sociocientíficos “Sabão E Detergente” em Aulas Práticas de Química na Educação Profissional: uma Abordagem CTS. In: Seminário Hispano Brasileiro (2). Anais..., p. 405-418, 2012.

SANTOS, L. S. et al. Discussões sociocientíficas em itens de Biologia do Enem: possibilidades na perspectiva da educação cidadã. In: Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano (6). Anais.... Urutaí, GO, 2017.

SILVA, M. J. M; et al. Educação Holística: Um Estudo Sobre o Pensamento Complexo nos Cursos de Licenciaturas das IES em Parnaíba-PI. Revista F@pciência, v.5, n. 10, p. 100 – 110, 2009.

SOBRINHO, M. F.; RAMOS, T. C.; SANTOS. W. L. P. Temas sociocientíficos(des)velados no Enem: potencialidades à ampliação de fontes e de gêneros textuais ao ensino de Física. Indagatio Didactica, v. 8, n. 1, julho 2016.

SOBRINHO, M. F. et al. Discussões Sociocientíficas na Física do Enem: Aproximações entre Pesquisa e Prática de Ensino. Enseñanza de las Ciencias, n. extraordinário, 2017.

STADLER, J. P. Análise de aspectos sociocientíficos em questões de Química do Enem: subsídio para a elaboração de material didático para a formação cidadã. Curitiba: UTFPR. Dissertação (Mestrado em Formação Científica, Educacional e Tecnológica), Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista REPPE está cadastrada nos diretórios e indexada nas bases que seguem: 
DOAJ DIADORIM  Google Acadêmico    Latindex Sumarios

Licença Creative Commons
Revista Reppe está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://uenp.edu.br/reppe

 

Revista de Produtos Educacionais e Pesquisas em Ensino - REPPE - ISSN: 2526-9542